Earth Computing Workshop na UCSD

Cluster computacional de Orange Pi´s a energia solar instalados no Earth Computing Initiative da UCSD em Calzona, California.
Prof. Brett Stalbaum e Cicero Silva
Prof. Brett Stalbaum e Cicero Silva

Entre os dias 29 de agosto e 02 de setembro fui convidado para ministrar o curso “Earth Computing” na Universidade da Califórnia em San Diego (UCSD). O convite partiu do Walkingtools Lab, hospedado no CALIT2 da UCSD. O workshop apresentou o projeto de um cluster computacional que vem sendo desenvolvido por mim em parceria com o Prof. Brett Stalbaum e com pesquisadores do San Diego Supercomputer Center da UCSD e do Laboratório (ver aqui: http://ucsdnews.ucsd.edu/pressrelease/sdsc_uses_meteor_raspberry_pi_cluster_to_teach_parallel_computing).

San Diego Supercomputer Center na UCSD

A proposta é criar um cluster computacional de baixo custo para pesquisas experimentais com sensores remotos, com o objetivo de conectar e obter dados a partir dos sensores em localidades distantes a um baixo custo. O cluster inicialmente é composto por 10 Orange Pi´s e seu funcionamento é a energia solar, com um setup de baterias Tesla que permitem que os computadores continuem funcionando por 3 horas durante a noite.

O objetivo do projeto é criar formas alternativas de envio de dados que não necessitem de energia elétrica e conexão à internet convencional. Além disso, o cluster utiliza a rede de telefonia para envio dos dados, com baixa taxa de transferência de dados, tendo em vista que os sensores não necessitam de grande quantidade de tráfego de dados. Outro tópico que está sendo experimentado, em substituição à telefonia celular, que possui alto custo, é o envio de dados por ondas de rádio em freqüencias abertas de FM (rádio amador). Os cluster computacionais e seus sensores foram instalados em uma localidade remota, na região de Big River, na Caliórnia, e são acessíveis por rádio a distância. O projeto tem como objetivo analisar a viabilidade de novas formas de envio de dados, a partir de sensores, que possibilitem a conectividade e acesso à internet por meio de propostas de baixo custo, ou que utilizem tecnologias que, apesar de existentes, não são utilizadas por serem consideradas obsoletas. Os campos de aplicação do projeto tem sido aplicações na área de sensoreamento remoto de dados metereológicos e, mais recentemente, foi criado um sistema de envio de dados médicos do condado de Calzona, aonde não existe suporte de saúde para os residentes, para o sistema de saúde municipal na cidade de Big River.